Coca Zero


Hummm... Não posso ouvir aquele barulhinho chiado de gás saindo de uma garrafa pet que minha garganta fica até seca imaginando um gole de uma bem gelada Coca-Cola Zero.

É minha gente, devo confessar que meu vício por Coca-Cola é incurável. E não só pela bebida, mas como publicitária, curto muito a comunicação, principalmente visual, da gigante Coca-Cola. Tanto é que a marca lidera a categoria e é dona de quatro das cinco marcas mais consumidas de refrigerante no planeta (Coca-Cola, Coca-Cola light, Fanta e Sprite). Bom, o intuito não é fazer publicidade para a Coca-Cola, até porque isso a empresa já tira de letra.

Há 6 anos, quando fiquei diabética, procurava por refrigerantes sem açúcar para comprar, e sempre me deparava com apenas um: o Guaraná Diet. A nomenclatura não era nem “zero” ainda, era diet mesmo, daí surgiu todo um “preconceito” contra esse refrigerante, pois para muita gente tudo o que é diet é ruim - aff! E era muito chato beber só Guaraná, quando na verdade o refri que mais gosto é Coca-Cola!

Um ano depois, meu namorado me liga e fala: “Como eu sei que você gosta muito de Coca-Cola, fui lá na fábrica e mandei fazer uma Coca-Cola Zero só pra você! Vou levar hoje a noite”. Não acreditei, claro. Porém, eis que às 19h daquele mesmo dia, Darlan - o meu namorado - chega em minha casa com uma Coca-Cola Zero de 2 litros! Foi como um sonho rsrsrs

Bem, que fique muito claro aqui que não estou aconselhando ninguém a consumir refrigerantes, mesmo porque isto não é um hábito saudável e deve ser evitado. Estou apenas expondo minhas preferências aqui.

Depois deste episódio, chega a bendita Coca-Cola Zero com sua mais nova campanha de reposicionamento de marca: “Descubra sua Coca-Cola Zero”, com os NOMES nas latinhas. Ah, mas eu queria porque queria que meu nome estivesse escrito na latinha de Coca-Cola Zero. Afinal de contas, eu sou um super consumidora!

Só que eu sou bem realista e sabia que o nome NAYAMA nunca estaria estampado em uma latinha, é muito incomum. Mas eu via um monte de gente abrindo o freezer da padaria e procurando - e encontrando - seu nome e eu, como uma criança mimada, também queria encontrar o meu. Mas ok, me conformei que eu não encontraria mesmo e ponto final.

Para minha surpresa (mais uma vez) a Coca-Cola Zero chegou com uma ação espetacular: durante um final de semana, o BH Shopping recebeu um quiosque especial da Coca-Cola Zero onde era possível customizar garrafinhas de 600 ml com seu nome. Com essa iniciativa, os consumidores que não encontraram seus nomes nas latinhas teriam a chance de personalizar suas próprias garrafinhas, que ficavam prontas na mesma hora. Sensacional!

E eu, claro, não poderia perder essa ação por nada! Fiz garrafinhas de Coca-Cola Zero para mim, para toda a minha família (que também tem nomes não muito comuns) e para meu namorado. A única “falha” é que o sistema de impressão no rótulo não aceitava acentuação nos nomes, então que tem acento no nome não ficou assim tão satisfeito como eu, como é o caso da minha irmã, por exemplo, que se chama Sâmara e saiu de lá com uma garrafinha Samara, que não é o seu nome, então o intuito da ação não funcionou muito bem para ela. 

No entanto, a foto da minha garrafinha com meu nome estampa a área de trabalho do meu computador em meu serviço, e faz o maior sucesso!


Stand Coca-Cola Zero

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Receber via email

Digite seu endereço de email:

Delivered by FeedBurner

Voltar ao topo